Na hora de transferir dinheiro para outra pessoa, muitas são as dúvidas sobre a diferença entre TED e DOC. Por isso, vamos explicar um  pouco sobre estes dois termos para esclarecer algumas coisas para você. 

O que é DOC? 

O Documento de Crédito (DOC) trata-se de uma transferência bancária limitada a R$4.999,99 e que só pode ser realizada pelo Banco Central. Uma dúvida é se o valor transferido por meio do DOC cai no mesmo dia, acontece que o depósito desta modalidade só é concluído no dia útil seguinte (transações feitas até 21h59. Valores transferidos após este horário, só cairá no segundo dia útil). 

Não entendeu? Vamos de exemplo (a gente adora essa parte). Se o DOC for programado até 23h de segunda-feira, ele só cairá na conta da outra pessoa na quarta-feira (caso nenhum desses dias seja feriado). Caso você realize a transferência até às 21h, o valor ficará disponível na terça-feira. Vale lembrar que é preciso ficar atento com a confirmação do depósito, pois o prazo só começa a valer depois da confirmação do agendamento. 

O que é TED? 

A Transferência Eletrônica Disponível é um método de transferência de fundos para outra pessoa. Ela foi criada pelo Banco Central em 2002. Desde janeiro de 2016 o cliente pode enviar qualquer valor, o que não ocorria antes. 

Diferente do DOC, a TED cai na hora e, se você estiver com pressa, ela é a melhor opção. O valor cai na conta do beneficiário minutos após a confirmação da transferência (desde que realizada antes das 17h). Caso realize uma transferência após este horário, o dinheiro só aparecerá na conta no dia seguinte. 

Vantagens de TED

Além de não ter um limite mínimo para transferência, a TED tem a grande vantagem sobre o DOC de cair no ato da transferência. Por ser eletrônica, ela não passa pela compensação.

Qual custa mais caro: DOC ou TED? 

Não existe um valor de taxa fixa para as transações. Cada um pode cobrar o seu valor e tudo pode variar dependendo do pacote que você possui (pode acontecer das taxas serem abatidas). A dica que podemos dar é para que você realize essas transações por meio dos caixas eletrônicos ou pela internet. Geralmente, as taxas são mais baratas do que em um caixa presencial.

Nos principais bancos, transferências pela internet ou caixa eletrônico podem custar entre R$ 9,40 a R$ 9,75. Transferências pessoais, ou seja, na boca do caixa, custam entre R$ 17,40 e 18,70. 

O que é preciso para enviar um DOC ou uma TED?

Para efetuar um DOC ou uma TED para um banco diferente, é necessário alguns dados do beneficiário: 

  • CPF (se for para pessoa física) ou CNPJ (caso o beneficiário seja uma empresa).
  • Nome completo do beneficiário, para que possa ser confirmado antes de confirmar a transferência (não obrigatório).
  • Dados bancários do beneficiário: banco, agência e conta.
  • Saber se a conta do beneficiário é conta-corrente ou poupança.

Devo usar DOC ou TED para transferência? 

A escolha de qual das opções é melhor para você vai depender muito da sua urgência e do quanto o seu banco cobra por cada um deles. Outro ponto que você deve considerar é que os bancos, em geral, fazem TED para conta poupança. Entretanto, para DOC, não são todos os bancos que permitem para este tipo de conta, então é preciso se informar. 

E se eu digitar algum dado errado? 

Não tenha medo! Se algum dado é digitado errado, o dinheiro volta para a sua conta no dia seguinte. Se isso não acontecer, como deveria, entre em contato com o seu banco para entender o que houve. 

Esperamos que agora tudo tenha ficado mais claro na sua cabeça! É muito importante se informar para não sair perdendo, mesmo que pouco.

Deixe seu comentário